Nos territórios do corpo: práticas e deslocamentos audiovisuais

Autores/as

  • Monica Toledo Silva Universidade Paulista / Universidad Estatal de Campinas / Universidad Federal de Minas Gerais

DOI:

https://doi.org/10.22370/panambi.2017.5.1039

Palabras clave:

Deslocamento, audiovisual, corpo, refúgio, narrativa.

Resumen

O artigo aborda a transitoriedade de conceitos científicos e propõe outros entendimentos para práticas do corpo nos contextos do nomadismo de linguagens estéticas, aderentes ao trânsito de indivíduos migrantes, em estados que são atualizados a cada tempo e lugar em vivências nas quais convergem futuros e passados. Estas vivências ganham sonoridades e visibilidades singulares coerentes com suas realidades sobrepostas, e viabilizam uma prática audiovisual de forma e sentido também fluidos para os deslocamentos contemporâneos. O texto busca formas para conteúdos do corpo, estéticas para discursos possíveis, mapeamentos provisórios de deslocamentos individuais em territórios configurados dinamicamente por estados de presença.

Citas

Agamben, G. (2012). Ideia de prosa. São Paulo: Editora 34.

Agamben, G. (2007). Lo abierto. Buenos Aires: Adriana Hidalgo.

Cesar, M. F. (2014). Nós, o outro, o distante na arte contemporânea brasileira. Rio de Janeiro: Circuito.

Didi-Huberman, G. (2011). Sobrevivência dos vagalumes. Belo Horizonte: UFMG.

Greiner, C. (2015). Leituras do corpo no Japão e suas diásporas cognitivas. São Paulo: n-1 edições.

Gumbrecht, H. U. (2010). Produção de presença. O que o sentido não consegue transmi-tir. Rio de Janeiro: Contraponto / PUC Rio.

Maldonato, M. (2014). A subversão do ser. Identidade, mundo, tempo, espaço: fenomenologia de uma mutação. São Paulo: SESC.

Silva, F. L. (2012). O outro (2012). São Paulo: Martins Fontes.

Silva, M. T. (2011). Imagem e ação: para um cinema do corpo. Tese de Doutorado defen-dida no Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Semiótica, PUC-SP.

Silva, M. T. (2016). Mulheres continentais: performance de imagens na invenção de si. In: Menotti, G; Bastos, M.; Moran, P. (orgs.) (2016). Cinema apesar da imagem. São Paulo: Intermeios.

Sobreira, J. (2008). O fazer-dizer do corpo: dança e performatividade. Salvador: EDUFBA.

Uno, K. (2012). A gênese do corpo desconhecido. São Paulo: n-1 edições.

Descargas

Publicado

2017-12-07

Cómo citar

Toledo Silva, M. (2017). Nos territórios do corpo: práticas e deslocamentos audiovisuais. Panambí. Revista De Investigaciones Artísticas, (5), 35–53. https://doi.org/10.22370/panambi.2017.5.1039

Número

Sección

Artículos